Harman diz que risco de ataques de hackers a carros é restrito a Fiat Chrysler

terça-feira, 4 de agosto de 2015 20:52 BRT
 

(Reuters) - A Harman International Industries, que fornece sistemas de informação mais entretenimento para a Fiat Chrysler e muitas outras montadoras, disse que o risco de ataques de hackers que levou ao recall de 1,4 milhão de veículos Chrysler no mês passado parece ser restrito a fabricante de veículos ítalo-americana.

"Nós não acreditamos que esse problema exista em qualquer outro carro fora da Fiat Chrysler," disse o presidente-executivo da Harman, Dinesh Paliwal, em uma entrevista à Reuters nesta terça-feira.

Os produtos de infotenimento da marca Kardon, da Harman, são parte do sistema telemático conectado à internet Uconnect, da Fiat Chrysler, uma coleção de auxílio ao motorista e serviços de entretenimento.

Dois pesquisadores veteranos da área de cibersegurança usaram uma vulnerabilidade de software no Uconnect para invadir um Jeep Cherokee enquanto estava sendo dirigido em uma rodovia, intensificando o debate sobre a segurança de carros e caminhões cada vez mais conectados.

"Nosso sistema era seguro," disse Paliwal, adicionando que o problema aparentemente começou por causa de um "buraco" ou porta aberta em uma rede. "Uma vez que você deixa a porta da casa aberta, alguém pode entrar e fazer o que quiser," disse.

A Fiat Chrysler não quis comentar o assunto, enquanto Paliwal disse que a Herman não antecipa nenhum impacto financeiro relacionado ao recall.

(Por Abhirup Roy)