Corridas do Uber devem alcançar US$10,8 bi em 2015, segundo apresentação

sexta-feira, 21 de agosto de 2015 12:52 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - As corridas pedidas pelos usuários globais da Uber Technologies devem crescer quase quatro vezes neste ano, para 10,84 bilhões de dólares, e vão avançar a 26,12 bilhões em 2016, de acordo com uma recente apresentação para potenciais investidores da companhia obtida pela Reuters.

O serviço de transporte, que opera em mais de 50 países, cobra dos motoristas cadastrados 20 por cento do valor das corridas, segundo apresentação confidencial preparada por banqueiros chineses com dados informados pela Uber. A apresentação foi preparada para uma rodada de injeção de recursos na empresa.

Com base nestes números, a receita de 2015 da companhia deve ser de aproximadamente de 2 bilhões de dólares, de acordo com cálculo da Reuters.

Uma porta-voz na sede da Uber em San Francisco disse que a empresa não comenta "rumores e especulações" ao ser questionada sobre a apresentação obtida pela Reuters.

Os slides mostram dados até junho e oferecem um vislumbre do crescimento explosivo da companhia de apenas seis anos de idade e avaliada mais recentemente por investidores como valendo 50 bilhões de dólares, maior montante para uma empresa de tecnologia de capital fechado em todo o mundo.

No ano passado, o presidente-executivo da Uber, Travis Kalanick, afirmou que a receita da empresa estava dobrando a cada seis meses. Mas os serviços da companhia estão enfrentando obstáculos em várias cidades do mundo, incluindo no Brasil.

Segundo a apresentação, as corridas registradas nos aplicativos da companhia em 2014 somaram 2,91 bilhões de dólares depois de 687,8 milhões em 2013. A apresentação não traz dados sobre as despesas ou se a companhia é lucrativa.