Daimler avalia eventual parceria com Apple e Google, diz revista

sexta-feira, 21 de agosto de 2015 16:15 BRT
 

BERLIM (Reuters) - A montadora alemã de veículos Daimler considera que "diferentes tipos" de cooperação com Apple e Google são possíveis em um momento em que os fabricantes de automóveis estão percebendo que a próxima geração de carros não poderá ser produzida sem participação maior de especialistas de telecomunicações e software.

"Muitas coisas são concebíveis", disse Dieter Zetsche, presidente-executivo da Daimler, em uma entrevista para a revista trimestral Deutsche Unternehmerboerse, publicada nesta sexta-feira.

O surgimento de carros autônomos tornou os softwares componentes fundamentais dos veículos do futuro, abrindo o mercado para novos participantes, como as gigantes de tecnologia sediadas nos Estados Unidos.

"Google e Apple querem fornecer um sistema de softwares para carros e trazer todo o ecossistema ao redor da Apple e do Google para dentro do veículo. Isso pode ser interessante para ambos os lados", disse Zetsche.

Uma opção para a Daimler é fabricar carros como parte de uma joint venture, utilizando o conhecimento digital de seus parceiros norte-americanos, disse Zetsche. Ele acrescentou que seus comentários eram "puramente teóricos".

Zetsche disse que a Daimler não se rebaixaria ao papel de uma mera fornecedora, simplesmente produzindo carros para as gigantes do Vale do Silício.

"Não vamos nos tornar fornecedores que não têm contato direto com os clientes e apenas fornecem hardware para terceiros", afirmou o executivo.