Desenvolvedora do Angry Birds planeja cortes de empregos e vê queda no lucro

quarta-feira, 26 de agosto de 2015 09:21 BRT
 

HELSINQUE (Reuters) - A finlandesa Rovio, desenvolvedora do Angry Birds, anunciou nesta quarta-feira que planeja cortar até 260 empregos, ou cerca de 37 por cento de sua força de trabalho, e projetou queda nos lucros para este ano.

"Mudanças fundamentais são necessárias para assegurar que a Rovio tenha sucesso em suas ambições globais de ser a companhia líder de entretenimento com jogos para dispositivos móveis em seu cerne", disse o presidente-executivo da Rovio, Pekka Rantala, em comunicado.

(Por Jussi Rosendahl)

 
Produtos inspirados no jogo Angry Birds apresentados durante evento em Hong Kong.  03/07/2012   REUTERS/Bobby Yip