Usuários do Facebook dizem estar preocupados com possível botão de "não curti"

quarta-feira, 16 de setembro de 2015 18:40 BRT
 

SAN FRANCISCO (Reuters) - Usuários do Facebook acessaram o site nesta quarta-feira para reagir à decisão da empresa de testar o que o presidente executivo da companhia, Mark Zuckerberg, chamou de "botão de não curti". Nem todo mundo gostou da ideia.

Em uma sessão de perguntas e respostas na terça-feira, Zuckerberg respondeu questionamentos de usuários sobre tópicos variando desde realidade virtual até a gravidez de sua mulher.

Mas a maior parte das perguntas concentrou-se no anúncio de que a rede social de 1,5 bilhão de usuários estava trabalhando em adicionar um botão além do "curti".

Usuários abarrotaram a página oficial de Zuckerberg com quase 3 mil comentários, a maioria sobre a opção "não curti". Enquanto alguns disseram que utilizariam mais o Facebook se o botão fosse introduzido, outros disseram que isso levaria ao cyberbullying e a mais negatividade no site.

Usuários têm pedido por um botão de "não curti" por muitos anos, disse Zuckerberg, embora este não necessariamente possa ser nomeado assim ou ser representando com um sinal negativo. O executivo adicionou que a companhia estava se preparando para testar uma versão do botão.

"Nem todo momento é um bom momento", disse Zuckerberg.

(Por Yasmeen Abutaleb)