Conselho da Telefônica aprova reestruturação societária após compra da GVT

terça-feira, 22 de setembro de 2015 17:32 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Conselho de Administração da Telefônica Brasil aprovou nesta terça-feira a simplificação de sua estrutura societária após a aquisição da operadora de banda larga GVT.

Segundo fato relevante, a companhia concluiu a aquisição das ações da GVTPar e da GVT, tornando-se controladora indireta dos provedores POP Internet e Innoweb.

A GVTPar é a holding subsidiária integral da operadora e detentora do controle direto da GVT. A reestruturação societária tem como objetivo unificar os serviços de telecomunicações da companhia, por meio de operações de incorporação e cisão, envolvendo sua subsidiária integral, a GVTPar, e suas controladas indiretas, a GVT e a POP.

"Ao final do processo, as atividades prestadas pela GVT que não sejam serviços de telecomunicação serão concentradas na POP e os serviços de telecomunicação serão concentrados na companhia", disse a empresa.

"Além da racionalização da prestação dos serviços, a reestruturação societária visa a simplificar a estrutura

organizacional atual da companhia, bem como auxiliar a integração dos negócios desta com a GVT."

A Telefônica Brasil espera conseguir até 2 bilhões de reais em sinergias anuais após a conclusão da compra da GVT, afirmou em julho o vice-presidente financeiro da companhia, acrescentando que 70 por cento desse valor deve ser obtido em 2017.

(Por Luciana Bruno)