Vodafone e Liberty Global encerram conversas sobre aliança europeia

segunda-feira, 28 de setembro de 2015 17:18 BRT
 

LONDRES (Reuters) - Vodafone e Liberty Global abandonaram negociações obre uma troca de ativos nos mercados de telefonia móvel, banda larga e TV na Europa, anunciaram as empresas nesta segunda-feira, após não terem chegado a um acordo sobre preços.

A Vodafone, segunda maior operadora de telefonia móvel do mundo, disse em junho que estava considerando trocar alguns ativos com a maior companhia de cabo da Europa, mas negou os persistentes rumores de que ambas estavam buscando uma fusão completa que as permitisse competir melhor nos mercados de banda larga fixa e telefonia celular.

Ambos os lados confirmaram nesta segunda-feira que as negociações foram encerradas.

No entanto, executivos de bancos de investimento disseram que a lógica de uma união entre os dois grupos segue intacta e não desconsideram a perspectiva da Vodafone se sentir compelida a comprar toda a Liberty.

Fontes próximas à discussão disseram que as últimas conversas naufragaram nas avaliações dos ativos de ambos os lados.

"Não chegamos lá hoje, mas não estamos fechando as portas para potenciais discussões no futuro", disse uma fonte.