Apple lança Apple Music na China

quarta-feira, 30 de setembro de 2015 11:43 BRT
 

(Reuters) - A Apple lançou o serviço Apple Music junto com o iTunes Movies e o iBooks na China e disse que os serviços de streaming de música baseados em nuvem funcionarão nos aparelhos com sistema operacional Android no outono do Hemisfério Norte.

A Apple oferecerá aos assinantes do Apple Music acesso a um vasto arquivo de músicas por 10 iuanes (1,57 dólar) por mês após uma degustação inicial de três meses, disse a empresa em comunicado.

O anúncio ocorre no momento em que a fabricante de iPhone tem tido problemas para dar segurança aos acionistas sobre seu negócio na China.

Os consumidores chineses são essenciais para ampliar a demanda por iPhones e uma queda no mercado de ações e a recente desvalorização do iuane promovida por Pequim assustou acionistas da Apple, já preocupados com a desaceleração da segunda maior economia do mundo.

A Apple Music na China terá músicas de artistas locais como Eason Chan, Li Ronghao, JJ Lin e G.E.M., assim como diferentes artistas internacionais, disse a companhia.

Os assinantes também poderão alugar ou comprar filmes de alguns estúdios chineses assim como de Hollywood na iTunes Store, disse a Apple.

(Por Aurindom Mukherjee em Bangalore)