Sony vai se separar de unidade de sensores de imagem

terça-feira, 6 de outubro de 2015 15:51 BRT
 

TÓQUIO (Reuters) - A Sony vai se separar da unidade de semicondutorees em uma tentativa para acelerar o crescimento de produtos como sensores de imagem, que ajudaram a liderar a recuperação do conglomerado japonês de produtos eletrônicos.

A Sony afirmou que a decisão é parte da estratégia da empresa de dar autonomia para suas unidades de negócios para que possam acelerar o processo de tomada de decisão e se tornarem mais responsáveis por sua própria lucratividade.

Até agora, a Sony tem se concentrado em se separar de unidades deficitárias, mas afirmou que mais autonomia para os negócios de sensores vai ajudar a divisão a continuar competitiva. Os rivais da Sony no segmento incluem OmniVision Technologies e Samsung Electronics.

Os sensores, usados em celulares inteligentes, têm sido um dos produtos mais fortes da Sony nos últimos anos, em contraste com as áreas de TVs e celulares, que estão atrás de rivais asiáticos.

A Sony anunciou em abril que vai investir 45 bilhões de ienes (374 milhões de dólares) para ampliar a capacidade de produção de sensores neste ano fiscal. A empresa espera ampliar sua atuação em sensores junto ao mercado automotivo.

(Por Ritsuko Ando)