Dificuldade de acesso à Internet atrapalha pequenas empresas em países pobres, diz estudo

quarta-feira, 14 de outubro de 2015 20:00 BRT
 

GENEBRA (Reuters) - Um estudo de pequenos e médios negócios ao redor do mundo descobriu que uma das principais razões de má performance - especialmente em países mais pobres- é que eles fazem pouco uso da Internet.

Pequenas e médias empresas no Brasil são três vezes menos produtivas que as grandes, enquanto as da Índia são dez vezes menos produtivas. O relatório publicado nesta quarta-feira pelo Centro de Comércio Internacional, joint venture da Organização Mundial do Comércio e das Nações Unidas, que saber por que.

O relatório examinou 38 indicadores para avaliar os ambientes nacionais e de negócios e a capacidade das empresas de "competir, se conectar e transformar". Foram incluídos critérios como experiência administrativa, nível de treinamento, existência de contas bancárias e declarações fiscais auditadas.

Na Indonésia, apenas 9,4 por cento de pequenas empresas usavam e-mail e somente 4,2 por cento tinham seu próprio site. Em Bangladesh, os percentuais eram 12 por cento e 6 por cento respectivamente.

Além da falta de conectividade, muitas empresas pequenas nos países mais pobres tinham limitado acesso a crédito e no sul da Ásia tiveram desempenho ruim em certificações de qualidade internacional, assim como no baixo uso de e-mail.

A América Latina apareceu como a região mais empreendedora, com mais de 10 por cento dos jovens começando seus próprios negócios em muitos países, mas suas ambições foram dificuldades por fracos ambientes de negócios de seus países.

(Por Tom Miles)