Amazon tem lucro surpreendente, com salto nas vendas na América do Norte

quinta-feira, 22 de outubro de 2015 18:58 BRST
 

(Reuters) - A gigante de e-commerce Amazon.com reportou lucro surpreendente pelo segundo trimestre, impulsionado por mais vendas da América do Norte, seu maior mercado, e outra rodada de forte expansão no negócio de nuvem Amazon Web Services.

As vendas da América do Norte subiram 28,3 por cento, para 15,01 bilhões de dólares no terceiro trimestre, ajudada por robustas vendas do Prime Day e uma forte demanda por eletrônicos e mercadorias em geral ao longo do período.

A Amazon, cujas ações tiveram alta de 10 por cento em negociações após o fechamento do mercado, disse em julho que os clientes fizeram pedidos de 34,4 milhões de itens no mundo todo durante a oferta de um dia para os membros do serviço por assinatura Prime, que custa 99 dólares ao ano.

As vendas líquidas dos serviços de Internet da Amazon, que tem mais de 1 milhão de clientes ativos em 190 países, subiram mais de 78 por cento, para 2,09 bilhões de dólares no trimestre.

A Amazon estima crescimento líquido de vendas de 14 por cento a 25 por cento, numa faixa de 33,5 bilhões e 36,75 bilhões de dólares para o trimestre das compras de fim de ano. Analistas em média esperavam receita de 35,16 bilhões de dólares, de acordo com a Thomson Reuters.

A maior varejista online do mundo reportou um lucro de 79 milhões de dólares, ou 0,17 dólar por ação, comparada com um prejuízo de 437 milhões, ou 0,95 dólar por ação, um ano antes.

(Por Anya George Tharakan)