Nokia supera estimativas com resultado trimestral e anuncia retornos a investidores

quinta-feira, 29 de outubro de 2015 14:18 BRST
 

Por Jussi Rosendahl e Leila Abboud

HELSINQUE/PARIS (Reuters) - A finlandesa Nokia divulgou lucros trimestrais melhores do que os esperados conforme o crescimento na China compensou a demanda mais fraca em outros mercados importantes, e disse que vai retornar dinheiro a acionistas após adquirir a Alcatel-Lucent.

A companhia disse nesta quinta-feira que está a caminho de concluir a aquisição de 15,6 bilhões de euros da rival francesa Alcatel no primeiro trimestre do próximo ano após garantir as aprovações regulatórias, e também antecipou sua meta de economia de custos de 900 milhões de euros pelo acordo em um ano para 2018.

A fusão vai colocar a nova empresa em uma posição de maior força para competir com a sueca Ericsson e a rival chinesa de baixo custo Huawei, em um mercado de equipamentos de telecomunicação no qual o baixo crescimento e a competição acirrada têm pressionado os preços para baixo.

A Alcatel também divulgou uma melhora em sua rentabilidade, e as ações de ambas as companhias subiam cerca de 10 por cento às 14h14 desta quinta-feira.

A Nokia disse que planeja retornar o excesso de capital que se seguiu aos desinvestimentos do negócio, uma vez dominante, de telefonia, como também da unidade de mapas HERE, e prometeu distribuir 4 bilhões de euros a acionistas nos próximos anos através de dividendos e recompra de ações.

O lucro operacional da Nokia no terceiro trimestre na unidade de rede ficou em 391 milhões de euros, ou 13,6 por cento das vendas, significativamente acima da expectativa média de lucro de 297 milhões de euros e uma margem de 10,2 por cento, de acordo com pesquisa da Reuters.