Facebook diz que proibirá transações particulares de armas na rede social

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016 21:04 BRST
 

WASHINGTON (Reuters) - O Facebook [FB.O] planeja anunciar na sexta-feira que começará a proibir os usuários de coordenar vendas privadas de armas de fogo na rede social online, disse uma porta-voz à Reuters.

Varejistas licenciados ainda poderão anunciar armas de fogo no Facebook, que levam a operações efetuadas fora da plataforma do Facebook, afirmou a porta-voz.

(Reportagem de Dustin Volz)