Ação do Twitter recua para mínima histórica pressionada por estagnação de usuários

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016 18:17 BRST
 

(Reuters) - As ações do site de microblogs Twitter atingiram o valor mais baixo já registrado, após a empresa informar na quarta-feira que o crescimento da base de usuários estagnou pela primeira vez desde a abertura de capital da companhia em 2013.

Mais de 20 corretoras reduziram seus preços-alvos para as ações do Twitter, que acumulam queda de mais de 35 por cento em menos de seis semanas e de mais de 50 por cento deste que o presidente-executivo, Jack Dorsey, retornou em julho.

Às 18h13 (horário de Brasília), a ação recuava 3,5 por cento, a 14,46 dólares. A Starmine, uma unidade da Thomson Reuters, definiu o valor intrínseco da ação em 11,40 dólares, o que significa que o papel pode sofrer novas baixas.

Na divulgação de resultados, na quarta-feira, o Twitter informou que teve 320 milhões de usuários ativos por mês no quarto trimestre, estável sobre o trimestre anterior e abaixo dos 323 milhões esperados em pesquisa da RBC Capital Markets.

Mas Dorsey afirmou que a analistas que o nível de usuários ativos em janeiro "retornou para os patamares do terceiro trimestre".

Enquanto isso, o vice-presidente operacional, Adam Bain, afirmou em entrevista à CNBC que mais de 500 milhões de pessoas que o Twitter descreve como usuários sem conta no serviço, visitaram o site, provendo uma nova fonte de receita de publicidade para a companhia.