Wal-Mart diz que dados de alguns clientes do setor de farmácia ficaram visíveis online

quarta-feira, 2 de março de 2016 19:42 BRT
 

(Reuters) - O Wal-Mart disse nesta quarta-feira que o histórico de prescrições médicas e outras informações de alguns milhares de clientes dos EUA podem ter ficado visíveis para outros usuários por quatro dias em fevereiro devido a um erro de código.

"Tivemos um erro de software entre 15 e 18 de fevereiro que afetou um grupo limitado de clientes de produtos farmacêuticos", disse o porta-voz da empresa Dan Toporek. "Nos movimentamos rapidamente para solucionar o problema assim que descoberto".

Durante o período, dois clientes que se conectaram ao mesmo tempo podem ter sido capazes de ver informações um do outro, incluindo nome, endereço, data de nascimento e histórico de prescrições médicas, disse Toporek. Usuários não puderam ver os números do seguro social, ou informações completas sobre cartões de débito e crédito ou convênios médicos, disse.

O erro aconteceu durante a migração de servidores e não foi um ciberataque, disse Toporek. Menos de 5 mil usuários foram potencialmente afetados, disse ele.

O Wal-Mart está contatando os clientes que podem ter sido atingidos e oferecendo serviços de proteção de identidade, embora não tenha "motivos para acreditar que as informações tenham sido inapropriadamente usadas por outros", disse Toporek.

(Por Nathan Layne)