Criminosos gostam de iPhone por causa da criptografia, diz polícia

sexta-feira, 4 de março de 2016 18:46 BRT
 

Por Dan Levine

(Reuters) - Alguns criminosos têm buscado novos iPhones como "dispositivo de escolha" para cometer delitos devido à forte criptografia da Apple colocada nos aparelhos, três grupos de aplicação da lei disseram num documento à justiça.

Os grupos disseram nesta quinta-feira ao juiz que cuida da disputa entre a Apple e o Departamento de Justiça EUA que, entre outras coisas, estavam cientes dos inúmeros casos de criminosos que trocaram telefones descartáveis por iPhones.

O documento da Federal Law Enforcement Officers Association e outras duas entidades também citou um telefonema interceptado por autoridades de New York em 2015, em que o preso chamou o sistema operacional criptografado da Apple de "dom de Deus".

O governo obteve uma ordem judicial em fevereiro requerendo que a Apple mude um software para desativar proteção de senha e permita o acesso a um iPhone usado por um dos atiradores nos assassinatos de dezembro em San Bernardino, Califórnia.

A Apple pediu para a ordem ser revogada, argumentando que tal medida criaria um precedente perigoso e ameaçaria a segurança do cliente.

Gigantes de tecnologia, incluindo Google, Facebook e Microsoft apresentaram apoia à Apple. O Departamento de Justiça recebeu o apoio de grupos de aplicação da lei e seis familiares de vítimas San Bernardino.