Microsoft desafia Oracle ao abrir software de base de dados para Linux

segunda-feira, 7 de março de 2016 19:44 BRT
 

SAN FRANCISCO (Reuters) - A Microsoft planejou nesta segunda-feira anunciar sua mudança em direção a um novo negócio, revelando um software de base de dados que funciona com uma rival do Windows, seu sistema operacional, um movimento que visa um mercado há muito dominado pela Oracle.

O novo produto de base de dados da Microsoft funcionará com o sistema operacional Linux. A mudança é a mais recente a demonstrar o crescente desejo da Microsoft de trabalhar com produtos concorrentes, uma mudança radical para a companhia, que já foi ferozmente protetora.

A estratégia mais aberta da Microsoft se tornou uma característica marcante da administração do presidente-executivo Satya Nadella desde que assumiu em 2014.

Em uma era de imensas quantidades de dados, boa parte usada por companhias tentando conquistar mais negócios e estabelecer fronteiras competitivas, a administração de dados se tornou criticamente importante.

"Se você olhar para as empresas que estão transformando e inovando setores, é frequentemente usando dados como fator principal", disse o executivo vice-presidente para nuvem e empreendimentos da Microsoft Scott Guthrie. "Todos estão usando dados de maneiras muito mais ricas agora para entender seus clientes".

Até agora, os softwares de bases de dados dos próprios equipamentos da Microsoft funcionavam apenas com o sistema Windows. Agora eles também funcionarão com o Linux, que ganhou popularidade significativa nos últimos anos. Não ficou claro quantos clientes a Microsoft conquistará com seu produto Linux, que estará em modo de pré-visualização até meados de 2017.

(Por Sarah McBride)