Moody's prevê adoção total de carros autônomos nos EUA em algumas décadas

terça-feira, 29 de março de 2016 18:20 BRT
 

WASHINGTON (Reuters) - A adoção quase universal de carros autônomos nos Estados Unidos pode acontecer perto de 2055 e representa uma ameaça de longo prazo para as seguradoras de veículos, disse a Moody's num relatório nesta terça-feira.

O documento prevê que carros com a opção de automatização completa ou dirigidos sem motoristas podem ser uma escolha comum de veículos norte-americanos perto de 2030 e provavelmente estas serão funções padrão em todos os novos veículos perto de 2035.

Isto faria com que a tecnologia estivesse presente na maioria dos carros em atividade nos EUA em 2045.

"A frequência de acidentes cairá acentuadamente com o tempo e, finalmente, se traduzirá em prêmios significativamente mais baixos e consequentemente lucros menores para seguradoras de veículos", disse o relatório.

O relatório da Moody's estima que, nos próximos cinco ou dez anos, as tecnologias automotivas como freios de emergência automáticos devem impulsionar a lucratividade das seguradores, uma vez que podem reduzir acidentes, mas não levarão a uma redução imediata nas taxas.

(Por David Shepardson)