Facebook lança investigação sobre acusação de viés político

sexta-feira, 13 de maio de 2016 13:44 BRT
 

(Reuters) - O Facebook está conduzindo uma investigação interna sobre acusações de que a rede social tem viés político, afirmou o presidente-executivo da companhia, Mark Zuckerberg.

A empresa tem sido criticada depois que um ex-funcionário do Facebook afirmou ao site de notícias de tecnologia Gizmodo que ex-colegas frequentemente omitem mensagens políticas conservadoras da lista de assuntos populares.

A acusação disparou um inquérito do Senado dos Estados Unidos sobre as práticas do Facebook.

A companhia "não encontrou evidências de que a notícia é verdadeira", disse Zuckerberg em mensagem publicada em sua página na rede social. Ele acrescentou que a companhia continuará a investigar o assunto.

"Se encontrarmos algo contra nossos princípios, vocês têm meu comprometimento de que vamos tomar medidas adicionais para resolver", disse Zuckerberg.

As acusações fizeram a rede social a revelar mais informações sobre como seleciona e exibe notícias a seus usuários.