18 de Maio de 2016 / às 13:07 / um ano atrás

Vale do Silício ironiza Trump por alerta sobre "bolha tecnológica"

Provável candidato presidencial republicano Donald Trump durante evento em Manhattan. 03/05/2016Lucas Jackson

SAN FRANCISCO (Reuters) - O provável candidato presidencial republicano Donald Trump alertou na terça-feira que uma bolha financeira perigosa se formou na indústria de tecnologia, e o Vale do Silício reagiu com desdém.

Em entrevista à Reuters, o bilionário de Nova York disse que

start-ups de tecnologia que nunca haviam tido lucro conseguiram vender ações a preços elevados, comparando a situação com o mercado de ações superaquecido de 2007.

"Estou falando de empresas que nunca ganharam um tostão, que são baseadas em um conceito ruim e estão avaliadas em bilhões de dólares, então lá vamos nós de novo", disse Trump.

Muitos observadores da indústria de tecnologia vêm alertando reiteradamente sobre uma bolha tecnológica, já que o número de companhias privadas estimadas em um bilhão de dólares ou mais –conhecidas como unicórnios– disparou para 163, de acordo com a empresa de pesquisa de capital de risco CB Insights.

Assim, a declaração de Trump não foi nenhuma novidade aos olhos dos empreendedores e capitalistas do Vale do Silício. Investidores, entre outros, usaram o Twitter para debochar do slogan de campanha do magnata, "Torne a América Grande Novamente!" repetindo a frase "Torne as Bolhas Grandes Novamente!"

"FINALMENTE alguém disse com todas as letras", tuitou Marc Andreessen, parceiro da proeminente empresa de capital de risco Andreessen Horowitz, zombando de Trump.

Na entrevista, o empresário do setor imobiliário disse que as altas avaliações que as start-ups de tecnologia conseguem obter atualmente o lembram de 2007, quando o mercado de imóveis inflado ajudou a elevar as ações norte-americanas a valores insustentáveis antes do rompimento da bolha.

"Temos um mercado de ações que é muito estranho", afirmou. "Você olha algumas dessas ações de empresas de tecnologia que são tão, tão fracas como conceito e como empresa, e ela estão sendo vendidas por muito dinheiro. E eu diria 'isso pode voltar a acontecer?'. Acho que pode voltar a acontecer".

Alguns fundadores de start-ups rejeitaram a generalização de Trump, segundo a qual todas as companhias estão supervalorizadas e torrando dinheiro. Mas há aquelas que continuam a levantar fundos com sucesso e gerar lucro.

"Não há nada no histórico dele (Trump) que mostre que ele veio para cá e se encontrou com líderes da indústria de tecnologia e conheça esta indústria e entenda sobre inovação", disse Aaron Ginn, co-fundador da Lincoln Initiative, uma comunidade que promove valores libertários e de incentivo à tecnologia.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below