Vendas online marcarão decisão de regulador sobre acordo Fnac-Darty

quarta-feira, 6 de julho de 2016 13:13 BRT
 

PARIS (Reuters) - A autoridade de concorrência da França vai considerar as vendas online quando analisar o projeto da varejista francesa Fnac de compra da varejista de produtos eletrônicos de consumo Darty, disse nesta quarta-feira o presidente da Autorite de la Concurrence, Bruno Lasserre.

Ele afirmou em coletiva à imprensa que a expectativa é de que a autoridade se pronuncie sobre o acordo em meados de julho.

Lasserre disse que a entidade decidiu olhar para um único canal de distribuição, incluindo vendas online e de lojas ao rever o acordo, porque os dois mercados estão em interação competitiva.

A decisão diminuiria a participação no mercado de lojas físicas da Fnac e Darty em França, disse ele, sem dar detalhes.

A Fnac, que está buscando reduzir sua dependência dos altamente competitivos mercados de livros e CDs, fez uma oferta final para a Darty de 170 centavos de libra por ação em abril, avaliando-a em cerca de 900 milhões de libras.

O Conselho da Darty recomendou a oferta, que deve ser concluída em 15 de julho .

(Reportagem de Dominique Vidalon)