Japoneses esperam por Pokémon Go em vão e ações da Nintendo desabam

quarta-feira, 20 de julho de 2016 13:31 BRT
 

TÓQUIO (Reuters) - Japoneses esperaram em vão nesta quarta-feira pelo lançamento do game Pokémon Go, em meio a informações da imprensa de que os desenvolvedores do título pisaram no freio diante de preocupações com sobrecarga dos servidores que hospedam o jogo.

As ações da Nintendo, que vinham disparando desde o lançamento do game em alguns mercados há poucos dias, desabaram 13 por cento nesta quarta-feira diante da decepção sobre o anúncio do jogo no mercado japonês. Apesar disso, a ação segue acumulando 86 por cento de alta desde o lançamento do título nos Estados Unidos.

"O Japão não é a casa do Pokémon? Eu imploro a eles para acelerarem", disse Toshihide Onchi, um engenheiro de 40 anos que participou dos testes com a versão beta do jogo.

No final da terça-feira, o site de notícias de tecnologia TechCrunch e outros veículos publicaram que o lançamento do jogo no Japão ocorreria nesta quarta-feira.

Uma porta-voz da Pokemon Company, que criou o game junto com a Nintendo e a Niantic, uma empresa cindida do Google, não comentou o assunto. As companhias reiteraram que nada foi decidido ainda sobre a data de lançamento de Pokémon Go no Japão.

Investidores e analistas estão apostando que o sucesso do jogo, lançado oficialmente em 35 países mas jogado em muitos mais, vai transformar a Nintendo. Apesar de verem que Pokémon Go não será um impulso direto para a companhia, o jogo poderá representar um maneira de a Nintendo faturar de maneira mais eficiente com seu portfólio de personagens carismáticos como Zelda e Mario.

Pokémon Go está caminhando para ser o primeiro jogo para celulares a quebrar a barreira de 4 bilhões de dólares por ano de receita, superando Candy Crush Saga, segundo a empresa de pesquisa de mercado Macquarie Research.