Receita do varejo online no Dia dos Pais cresce 12%, mas fica abaixo do previsto

terça-feira, 16 de agosto de 2016 19:08 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O faturamento do varejo online no Dia do Pais no Brasil aumentou 12 por cento ante mesmo período de 2015, somando 1,76 bilhão de reais em receita para lojas virtuais, informou nesta terça-feira a consultoria E-bit.

O crescimento, referente ao gastos dos consumidores entre 30 de julho e 13 de agosto, segundo a E-bit, foi menor do que a previsão de 15 por cento de aumento nas vendas, previstos pela consultoria na semana passada.

Neste ano, o valor do tíquete médio dos consumidores chegou a 441 reais, 9 por cento acima do ano passado, mas abaixo dos 444 reais previstos pelo levantamento anterior da E-bit.

"Com esse resultado, estamos assistindo a uma gradual recuperação das vendas após um começo de ano difícil para o setor. Tivemos avanços positivos também nos Dias das Mães e dos Namorados, apresentando crescimento de dois dígitos", disse presidente-executivo da E-bit, Pedro Guasti.

Segundo o levantamento, os itens de moda e acessórios foram os mais adquiridos no período, representando 16 por cento do volume de encomendas, seguidos por livros e assinaturas de revistas, com 13 por cento.

(Por Natália Scalzaretto)