Número de usuários ativos do Mercado Livre Argentina crescerá 25% em 2016, diz presidente

sexta-feira, 16 de setembro de 2016 14:55 BRT
 

BUENOS AIRES (Reuters) - A empresa argentina Mercado Livre, uma das líderes em comércio eletrônico na América Latina, prevê que o volume de usuários ativos suba 25 por cento em 2016, a 40 milhões de pessoas, disse à Reuters na quinta-feira o presidente-executivo da empresa.

Em agosto, a empresa anunciou que investirá 1,5 bilhão de pesos nos próximos cinco anos na Argentina para construir novos escritórios e melhorar os atuais. Nesse momento também realizou investimentos milionários no Brasil.

"No ano passado tivemos 8 milhões de pessoas vendendo e 24 milhões de pessoas comprando (...) e este ano provavelmente serão cerca de 40" milhões de usuários usando a plataforma, disse Marcos Galperin no Fórum de Investimentos e Negócios.

Recentemente, o Mercado Livre superou a petroleira estatal argentina YPF em termos de valor por ação e se tornou a companhia de maior valor do país sul-americano.

"Os resultados do segundo trimestre foram os melhores de nossa história, pela velocidade em que estamos crescendo. Vemos oportunidades enormes", afirmou o executivo.

(Por Maximiliano Rizzi)