Anúncios de vagas mostram Uber se expandido para entrega de comida em 24 países

segunda-feira, 26 de setembro de 2016 20:40 BRT
 

LONDRES (Reuters) - O Uber está fazendo uma expansão internacional para o mercado de entrega de comida, com a contratação de pessoal e uma campanha agressiva de marketing, em preparação para enfrentar rivais locais em uma série de países.

Em um sinal da crescente ambição da empresa para além do transporte urbano de passageiros, o Uber está se preparando para entregar comida em Amsterdã nesta semana, justamente quando a rival local Takeaway.com, líder na entrega de comida na Holanda, está fazendo uma oferta inicial de ações.

Segundo anúncios de empregos no site do Uber e em outras páginas de recrutamento, a UberEats, como o serviço de entrega de refeições do Uber é conhecido, está contratando desde entregadores de bicicleta a gerentes para lançamentos em 24 países.

O plano inclui 16 cidades em 12 países europeus, indo desde Moscou a Madri e Manchester. Há ainda 11 cidades em nove países da Ásia, incluindo Hong Kong, Jacarta e Tóquio; e mais duas na África do Sul, além de Dubai e Cidade do México.

Até agora, a UberEats lançou serviços em 36 cidades de seis países, 27 das quais nos Estados Unidos, onde a empresa começou a testar o serviço de entrega de refeições há dois anos em Los Angeles. A primeira incursão internacional do serviço ocorreu em Paris, há um ano.

"Temos um plano agressivo de expansão e estamos confiantes que poderemos criar valor neste negócio e nestas cidades e países este ano", disse à Reuters em recente entrevista Jambu Palaniappan, diretor da UberEats para a Europa, Oriente Médio e África.

(Por Eric Auchard)