Na Samsung, vendas de chips devem atenuar pressão com recall de Galaxy Note 7 no 3º tri

quarta-feira, 5 de outubro de 2016 08:23 BRT
 

SEUL (Reuters) - Assustada pelo recall global do seu principal smartphone, a Samsung Electronics deve informar na sexta-feira que ainda espera um pequeno aumento no lucro do terceiro trimestre, segundo analistas, ajudado por vendas saudáveis ​​de chips de memória e telas.

Vendas perdidas e despesas ligada à retirada de pelo menos 2,5 milhões de aparelhos Galaxy Note 7 para corrigir problemas de bateria podem custar à empresa cerca de 5 bilhões de dólares este ano, alguns analistas têm dito. Isso pode minar o impulso de uma recuperação na divisão móvel da Samsung, com desempenho insatisfatório nos últimos anos.

Uma recuperação no mercado de chips de memória, contudo, liderada pela demanda da fabricante de smartphones rival Apple, vai reforçar os lucros, afirmam profissionais que cobrem a companhia. A SmartEstimate da Thomson Reuters, derivada de uma pesquisa com 20 analistas, aponta que o lucro operacional global de julho a setembro subiu 0,7 por cento ante o ano anterior, para 7,4 trilhões de wons (6,65 bilhões de dólares).

A Samsung irá relatar suas estimativas para a receita e lucro operacional do terceiro trimestre, sem mais detalhes, na sexta-feira.

Analistas reduziram suas expectativas para a divisão móvel da Samsung desde que o recall de 2 de setembro ocupou manchetes globais. Alguns reduziram sua previsão de lucro da divisão móvel em 1 trilhão de wons ou mais para refletir as vendas perdidas e custos do recall dos smartphones, que tinham recebido elogios e tiveram um começo forte de vendas desde seu lançamento em 19 de agosto.

(Por Young Lee, com reportagem adicional de Nataly Pak)