Dell vai terceirizar porção maior de sua produção

quinta-feira, 3 de abril de 2008 10:10 BRT
 

Por Philipp Gollner

ROUND ROCK, Estados Unidos (Reuters) - A Dell anunciou no final da quarta-feira planos para terceirizar porção maior de seu trabalho de produção, com o objetivo de reduzir custos industriais, reforçar os elos com os revendedores e atingir maior número de consumidores.

Os comentários dos executivos da Dell em sua primeira reunião com analistas desde 2005 demonstram que a fabricante de computadores está se afastando ainda mais do modelo de vendas diretas que alimentou seu rápido sucesso inicial, mas que nos últimos anos contribuiu para uma desaceleração do crescimento e avanço dos concorrentes em termos de participação de mercado.

"Vocês verão mais parcerias promovidas por nós", disse Mike Cannon, presidente de operações mundiais da Dell, em reunião com analistas na sede da empresa. "Teremos mais parcerias, e parcerias mais profundas, com empresas fabricantes de designs originais (ODM) e de serviços de fabricação de eletrônicos (EMS), sob as quais elas poderão satisfazer as necessidades de nossos clientes a custos mais baixos", declarou Cannon.

Executivos da Dell também disseram que a empresa, conhecida desde sua fundação em 1984, pelo sistema de vendas diretas, sem intermediários, procurará reforçar seu relacionamento com revendedores que disponham de elos estreitos com os consumidores.

Rivais da Dell como Hewlett-Packard, IBM e Sun Microsystems têm relacionamentos já antigos com esses parceiros, que tipicamente oferecem aos consumidores pacotes de hardware, software e serviços, mas a Dell se manteve afastada desses relacionamentos, porque priorizou obter margens de lucro mais elevadas.

"Continuaremos a promover o crescimento das vendas diretas, mas temos oportunidades de promover crescimento mais rápido no segmento de vendas por canais de varejo, e continuaremos a fazê-lo", disse Paul Bell, vice-presidente sênior e comandante das operações da Dell nas Américas. O modelo de venda indireta responde por cerca de 10 bilhões de dólares da receita anual de 61 bilhões de dólares registrada pela Dell, e Bell afirma que essa proporção deve crescer.