ENTREVISTA-Telefónica quer comprar fatia da Portugal Tel na Vivo

segunda-feira, 5 de maio de 2008 09:56 BRT
 

LISBOA (Reuters) - A Telefónica continua interessada em comprar a participação que a Portugal Telecom tem na Vivo e a companhia faz bem em não querer vendê-la, disse o presidente-executivo do BES Investimento, terceiro maior acionista da Portugal Telecom com fatia de 8,5 por cento.

José Maria Ricciardi lembrou que a Telefónica, segundo maior acionista da Portugal Telecom com cerca de 10 por cento, "ficou do lado dos ofertantes hostis" -- Sonaecom -- na tentativa fracassada de compra da companhia portuguesa em 2007 e afirmou: "O problema de fundo mantém-se, não tem a ver com a Portugal Telecom, tem a ver com Vivo."

"A Portugal Telecom continua a não estar interessada em alienar a sua participação na Vivo e a Telefónica continua interessada em comprar a posição da Portugal Telecom, não vamos escamotear isto", afirmou o presidente-executivo do BES Investimento (BESI).

O também administrador-executivo do Banco Espírito Santo frisou que "os gestores da Portugal Telecom (...) tomaram muito bem a decisão de não vender pois, hoje em dia, um dos grandes geradores do Ebitda da Portugal Telecom é o crescimento do Ebitda da Vivo".

O executivo disse ainda "a Portugal Telecom deve reforçar seus investimentos no Brasil, na África e em outras regiões" e quando perguntado sobre se o crescimento no Brasil teria de ser através da Vivo ele respondeu: "Poderia não ser, há outras hipóteses, há hipótese no fixo, por exemplo."