Microsoft investe US$300 mi em campanha pró-Windows

sexta-feira, 5 de setembro de 2008 10:28 BRT
 

SEATTLE, Estados Unidos (Reuters) - A Microsoft lançou uma campanha publicitária de 300 milhões de dólares para melhorar a imagem do seu sistema operacional Windows Vista e rebater as propagandas "Mac vs. PC" da Apple .

O primeiro comercial da empreitada de marketing da Microsoft, criada pela agência de publicidade Crispin Porter + Bogusky, foi ao ar na quinta-feira, trazendo o comediante Jerry Seinfeld junto com o co-fundador da companhia Bill Gates em uma loja de sapatos.

Apesar de vender mais de 180 milhões de licenças desde seu lançamento em 2007, o Windows Vista continua a sofrer percepção de que o sistema é desajeitado e difícil de usar em comparação aos computadores da Apple.

"O que a marca significa, particularmente no caso do Windows Vista, tem sido definido pelos competidores. Agora é hora de entrarmos em jogo e começarmos a contar nossa história", disse Brad Brooks, vice-presidente executivo da Microsoft.

A Apple tem conquistado importante porção de mercado contra PCs nos últimos trimestres. No trimestre de junho, o Gartner informou que a Apple representou 8,5 por cento das vendas de computadores norte-americanos, um aumento de 38 por cento em relação a um ano antes. Isso ultrapassou o crescimento geral do mercado de computadores dos Estados Unidos, de 4,2 por cento.

A Microsoft informou que o comercial é parte de iniciativa maior e de longo prazo que quer mudar a percepção dos consumidores quanto ao Windows, o que incluirá a montagem de pequenos estandes de venda em centenas de lojas das redes Best Buy e Circuit City, onde poderão ser encontrados "Gurus do Windows" que explicarão os benefícios do sistema.

A companhia também divulgou que tem trabalhado com os fabricantes de computadores para otimizar sistemas para aumentar a rapidez de inicialização das máquinas e melhorar a experiência, no geral, ao se usar o Windows.

Todas as principais marcas de PCs devem apresentar modelos novos ou renovados, que a Microsoft chama de nova categoria de PCs e que devem ser lançados nos próximos meses com designs melhorados.