Warner Music anuncia prejuízo inferior ao esperado

quinta-feira, 7 de agosto de 2008 13:54 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - O Warner Music Group anunciou nesta quinta-feira prejuízo trimestral inferior ao esperado, já que a melhora das vendas na Europa atenuou os efeitos da desaceleração no setor mundial de música.

A terceira maior companhia de música do mundo reduziu o prejuízo no terceiro trimestre fiscal, encerrado em 30 de junho, a 9 milhões de dólares, ou 6 centavos de dólar por ação, ante 17 milhões de dólares, ou 12 centavos de dólar por ação, um ano antes.

A receita subiu 5 por cento, para 848 milhões de dólares, ainda que, excluídos os benefícios da queda do dólar, o faturamento tenha caído 1,1 por cento.

Analistas de Wall Street consultados pela Reuters Estimates vinham esperando prejuízo de 18 centavos de dólar por ação sobre receita de 766,5 milhões de dólares.

As vendas caíram 6,5 por cento nos Estados Unidos, mas isso foi compensado por alta de 17,2 por cento na Europa e Canadá. Em uma base de taxa de câmbio constante, a receita internacional apresentou alta de 3,6 por cento.

A receita com música digital cresceu a 166 milhões de dólares, alta de 39 por cento frente ao ano anterior mas sem avanço ante o trimestre precedente.

As principais vendas do trimestre vieram de Madonna, Disturbed, Plies e Frank Sinatra.

(Por Yinka Adegoke)