EUA decidem compra da Reuters pela Thomson até 15 de janeiro

segunda-feira, 8 de outubro de 2007 14:45 BRT
 

LONDRES/BRUXELAS (Reuters) - O grupo Reuters informou na segunda-feira que o Departamento de Justiça dos Estados Unidos deve pronunciar sua decisão sobre a proposta de aquisição da companhia pela canadense Thomson Corp até 15 de janeiro.

Enquanto isso, a Comissão Européia informou que abriu uma avaliação aprofundada da operação e as empresas divulgaram que continuarão trabalhando com as autoridades do bloco.

"A investigação inicial de mercado da Comissão indica que a fusão proposta cria sérias dúvidas sobre efeitos negativos sobre a competição em vários mercados do setor de informações financeiras", informou o órgão executivo da União Européia em comunicado.

As companhias informaram que esperam que a segunda fase da avaliação da Comissão Européia seja concluída no primeiro trimestre de 2008.

A fusão planejada, uma operação em dinheiro e ações avaliada em 8,9 bilhões de libras (18,14 bilhões de dólares), vai criar a maior fornecedora de notícias e dados para mercados financeiros do mundo.

A Comissão afirmou que agora tem 90 dias úteis, até 25 de fevereiro, para decidir se a compra irá impedir a competição no setor de maneira significativa.

(Por Gavin Haycock)