RIM afirma que BlackBerry logo será vendido na China

quinta-feira, 10 de janeiro de 2008 13:26 BRST
 

Por Simon Rabinovitch

PEQUIM (Reuters) - A Research in Motion afirmou nesta quinta-feira que seus negócios na China estão caminhando como esperado, apesar de a empresa ainda não ter iniciado as vendas no país.

Charles Liu, gerente-geral da RIM na China, indicou que a decisão sobre o início das vendas dos seus telefones inteligentes (smartphones) está sob responsabilidade da sua parceira, a China Mobile .

Em outubro a RIM afirmou que esperava o começo das vendas ainda em 2007, tanto que já havia encaminhado o primeiro carregamento de telefones BlackBerry ao país.

A China Mobile lançou o negócio de cartões SIM para BlackBerry e Liu afirmou que tudo transcorria bem, apesar de preferir não comentar o número de assinantes.

"No geral, estamos satisfeitos como o negócio está sendo encaminhado aqui, está muito bom", pontuou. "A China Mobile está basicamente visando empresas. Mais para frente novos serviços serão lançados, mas precisamos começar de algum ponto."

A China Mobile não estava imediatamente disponível para comentar o assunto.

Assim que for lançado oficialmente no mercado Chinês, o BlackBerry irá enfrentar concorrentes de baixo-custo, incluindo um popular serviço local chamado RedBerry.

"É sempre bom trabalhar num ambiente competitivo e o BlackBerry sempre gostou de concorrêcia", concluiu Liu.

O smartphone está disponível em cerca de 120 países através de 300 operadoras pelo mundo. A China representa a última grande fronteira asiática para o produto.

(Reportagem de Simon Rabinovitch)