Murdoch diz que aliança News Corp-Yahoo é improvável

sexta-feira, 11 de julho de 2008 12:14 BRT
 

SUN VALLEY, Estados Unidos (Reuters) - Rupert Murdoch, controlador do conglomerado de mídia News Corp, afirmou que é "muito improvável" que sua companhia se envolva em qualquer transação com o Yahoo e afirmou que Microsoft e Yahoo não chegarão a um acordo.

Perguntado se ele acredita que o Yahoo acabará nas mãos da Microsoft, Murdoch respondeu: "Não haverá acordo. Há muitos sentimentos pessoais ruins."

A Microsoft ofereceu comprar o Yahoo por 47,5 bilhões de dólares este ano, mas retirou sua proposta em maio depois de se sentir frustrada com as negociações.

"Em seis meses, (a Microsoft) vai desistir", disse Murdoch em evento de mídia e tecnologia.

A News Corp tem aparecido repetidamente como participando de discussões que envolvem o Yahoo.

Pouco depois da Microsoft oferecer-se para comprar o Yahoo, a News Corp manteve negociações com a empresa de Internet para combinar sua popular rede social MySpace com o Yahoo e separadamente discustiu um possível acordo com a Microsoft para a compra do Yahoo.

Murdoch disse que um dos maiores investidores do Yahoo, Capital Research, cujo gerente de portfólio Gordon Crawford publicamente criticou a empresa por não terfeito acordo com a Microsoft, teria aceitado o valor de 33 dólares por ação proposto pela gigante do software.

"Ele ficou muito bravo de não ter conseguido 33 dólares", disse Murdoch sobre Crawford.