Diretor de Piratas do Caribe gravará filme do game "BioShock"

segunda-feira, 12 de maio de 2008 12:12 BRT
 

SAN FRANCISCO (Reuters) - A Take-Two Interactive Software afirmou na sexta-feira que o diretor da trilogia "Piratas do Caribe", Gore Verbinski, fará um filme baseado no jogo "BioShock", famoso título sobre uma utopia subaquática que desastrosamente dá errada.

O filme será produzido pela Universal Pictures, uma unidade de NBC Universal detida pela General Electric . John Logan, que trabalhou nos roteiros de "Gladiador" e "Sweeney Todd: O Barbeiro Demoníaco da Rua Fleet", estaria negociando a elaboração do roteiro do filme, segundo a Take-Two. "Gore é um grande fã de videogames e de 'BioShock'. Isso foi extremamente importante para nós na hora de decidir seguir adiante com isso nesse projeto", afirmou Christoph Hartmann, presidente do selo 2K Games, da Take-Two, em comunicado.

A Take-Two não revelou os termos financeiros do acordo ou outros detalhes, como quando será o lançamento do filme. A empresa é alvo de uma proposta de aquisição de 2 bilhões de dólares pela concorrente Electronic Arts, também criadora de games.

Lançado em agosto para o console Xbox 360 da Microsoft, "BioShock" foi elogiado por sua história complexa, atmosfera e personagens assustadores como os Big Daddies e Little Sisters.

O título vendeu mais de 2 milhões de cópias e a Take-Two está trabalhando em uma sequência.

O acordo sobre o filme de "BioShock" é o mais novo sinal da crescente importância dos videogames na cultua popular.

No início da semana, a Take-Two afirmou que seu jogo de ação "Grand Theft Auto 4" arrecadou mais de 500 milhões de dólares em vendas locais na sua semana de estréia.

Esse valor é superior à maior estréia da história de Hollywood, o filme "Piratas do Caribe: No Fim do Mindo", que arrecadou 406 milhões de dólares em bilheteria nos seus seis primeiros dias em cartaz.