HTC vê vendas de celulares perto do topo da meta em 2008

sexta-feira, 12 de setembro de 2008 11:53 BRT
 

TAIPÉ (Reuters) - A High Tech Computer (HTC), a maior fabricante de celulares inteligentes do mundo, informou na sexta-feira que prevê boa chance de alcançar o topo de sua meta de vendas em 2008, impulsionada por boa recepção de seus modelos mais sofisticados.

Ao divulgar sua última avaliação de vendas, o vice-presidente financeiro da empresa, Cheng Hui-ming, disse que a companhia, cujos produtos competem com o popular iPhone, da Apple, tem como objetivo elevar receita entre 20 e 30 por cento em 2008.

"O iPhone não causou muito impacto no momento nas vendas da HTC", disse Cheng em coletiva de imprensa.

A previsão está em linha com a expectativa de analistas, de que a HTC terá crescimento de vendas de 28,5 por cento este ano para 4,8 bilhões de dólares, de acordo com a Reuters Estimates.

A HTC, cujos telefones utilizam o sistema operacional Windows, da Microsoft, informou em julho que esperava aumento de 30 por cento nas vendas do terceiro trimestre em relação a um ano antes, com margem de crescimento bruto em torno de 34 ou 35 por cento para o trimestre motivada pela crescente popularidade de seus smartphones.

Mas a indústria global de celulares mostrou sinais de desaquecimento nos últimos meses, com queda na demanda e redução de preços consumindo a lucratividade da companhia.

A HTC também está trabalhando com o líder global de buscas na Internet, o Google, para desenvolver aparelhos móveis utilizando o Android, novo sistema operacional do Google. Estes telefones devem ser lançados no quarto trimestre.