Mulher que fez leilão online de sexo quer saber quem é o pai

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2008 17:48 BRST
 

BERLIM (Reuters) - Uma mulher na Alemanha que ficou grávida depois de um leilão online de sexo obteve decisão judicial favorável que força o site que promoveu o "negócio" a revelar os nomes dos vencedores para que ela saiba quem é o pai.

Seis homens venceram leilões online para fazerem sexo com a mulher em abril e maio do ano passado. Eles foram identificados a ela apenas por seus nomes virtuais, afirmou um porta-voz do tribunal da cidade de Stuttgart, nesta quarta-feira.

"A mulher quer descobrir quais dos homens a deixou grávida", disse o porta-voz. "Então ela precisou dos detalhes de contato deles. Claro, se eles não quiserem fazer um teste genético, ela terá que levá-los ao tribunal."

A mulher pediu ao operador do site para revelar a identidade verdadeira dos homens, mas o site negou o pedido, alegando cláusula de confidencialidade.

O tribunal decidiu então a favor dela, afirmando que a criança tem o direito de saber quem é seu pai.

As autoridades da corte não revelaram a idade e a nacionalidade da mulher.

(Por Dave Graham)