Ações da Apple caem pelo terceiro dia consecutivo

sexta-feira, 13 de junho de 2008 15:23 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - As ações da Apple caíram pelo terceiro dia consecutivo, reflexo das preocupações dos acionistas quanto à estratégia da empresa para o iPhone, ainda que os analistas continuem a considerar que a empresa se sairá bem.

Por trás do entusiasmo quanto ao anúncio do presidente-executivo Steve Jobs sobre o lançamento do novo iPhone, no mês que vem, havia a notícia de que a Apple estava abrindo mão da porcentagem do faturamento mensal que recebia da operadora de telefonia móvel AT&T, pelos serviços aos usuários de iPhones.

Por conta disso, a expectativa é de que a receita da Apple se reduza em cerca de 3 centavos de dólar por ação, este ano, de acordo com algumas estimativas.

"Houve uma notícia negativa, nisso --a de que eles teriam de subsidiar para conseguir crescimento", disse Daniel Ernst, analista da Hudson Square Research.

"É possível interpretar esse fator de maneira pessimista. Eles tiveram de recorrer a subsídios para manter o crescimento", disse.

Mas Ernst ainda assim disse antecipar que a Apple precisaria realizar uma mudança como essa de forma a manter o crescimento do iPhone, e continua positivo sobre as perspectivas de longo prazo do grupo.

(Por Franklin Paul)