Lucro da Intel cresce, impulsionado por vendas de notebooks

terça-feira, 15 de julho de 2008 18:18 BRT
 

SAN FRANCISCO (Reuters) - A Intel Corp anunciou nesta terça-feira um aumento de seu lucro trimestral, impulsionado pelo aumento nas vendas de microprocessadores usados em notebooks.

A Intel ainda afirmou que espera obter uma receita entre 10 e 10,6 bilhões de dólares no atual trimestre, comparada a estimativas de analistas de 10 bilhões.

"Enquanto entramos na segunda metade do ano, a demanda continua forte para os nossos microprocessadores e produtos em todos os segmentos e em todas as partes do mundo", disse o diretor-executivo Paul Otellini em um comunicado.

O lucro líquido do segundo trimestre subiu 1,6 bilhão de dólares, ou 28 centavos por ação, de 1,28 bilhão de dólares, ou 22 centavos por ação, no ano passado.

A receita subiu de 8,68 bilhões de dólares para 9,47 bilhões de dólares. Analistas esperavam que o valor chegasse a 9,32 bilhões de dólares em média, de acordo com a Reuters Estimates.

A Intel tem se beneficiado das vendas de notebooks, que estão prestes a ultrapassar as vendas de desktops neste ano. Na segunda-feira, a Intel lançou a última geração de seu chip wireless Centrino, depois de um atraso de alguns meses.

(Reportagem de Duncan Martell)