YouTube começa teste público de banco de dados contra pirataria

terça-feira, 16 de outubro de 2007 11:35 BRST
 

Por Eric Auchard

SAN FRANCISCO, Estados Unidos (Reuters) - O YouTube iniciou o teste público de um aguardado banco de dados comparativo de vídeos, projeto que faz parte do esforço do site comprado pelo Google de evitar processos judiciais por causa de pirataria.

O maior site mundial de vídeos informou que a tecnologia YouTube Video Identification é um banco de dados que armazena referências sobre arquivos de conteúdo original em vídeo e os direitos de propriedade intelectual a eles associados. Essa informação é comparada com os arquivos que são enviados pelos usuários do site.

"Nós estudaremos os arquivos em sua íntegra", disse David King, gerente de produto do Google, a jornalistas, em uma entrevista coletiva na qual discutiu o sistema ampliado de identificação de vídeos. "Um estúdio de cinema pode nos enviar um filme de três horas, e ele será examinado em sua íntegra."

O YouTube anunciou anteriormente o início de teste privado de tecnologia de identificação de vídeo, envolvendo nove empresas de mídia, entre as quais diversos estúdios de cinema. Só a Walt Disney e a Time Warner foram identificadas como participantes do teste.

O YouTube vem sofrendo críticas de parte das empresas de mídia tradicional, segundo as quais o site está postergando a oferta de maneiras confiáveis de identificar os vídeos que usuários do site mandam para seus servidores sem permissão dos detentores dos direitos autorais. Em março, a Viacom abriu um dos diversos processos que estão em curso contra o YouTube, solicitando indenização de 1 bilhão de dólares.

Mike Fricklas, diretor jurídico da Viacom, disse que a decisão do YouTube de iniciar um teste público da tecnologia "nos deixa muito satisfeitos com o Google aparentemente estar assumindo suas responsabilidades e pondo fim a práticas que geram lucros com base em violações."