Após análise de resultado, ações da Microsoft caem

quinta-feira, 17 de julho de 2008 19:31 BRT
 

LOS ANGELES (Reuters) - A Microsoft anunciou um crescimento de 29 por cento em seu resultado trimestral nesta quinta-feira, mas a companhia divulgou uma previsão abaixo das expectativas de Wall Street para o atual trimestre e citou difíceis condições econômicas, derrubando as ações em 5 por cento.

A Microsoft, que continua envolvida em rumores sobre uma aquisição do Yahoo, divulgou um lucro líquido de 4,3 bilhões de dólares, ou 0,46 dólar por ação, em seu quarto trimestre fiscal que terminou em junho, frente a um lucros de 3,04 bilhões de dólares, ou 0,31 dólar por ação no mesmo período no ano passado.

As receitas subiram 18 por cento, para 15,84 bilhões de dólares.

Os lucros ficaram um centavo abaixo por ação das previsões de analistas, mas as receitas bateram a previsão de 15,65 bilhões de dólares, segundo estimativas de Reuters.

Para o atual trimestre, a Microsoft previu um lucro por ação entre 0,47 e 0,48 dólar com receitas entre 14,7 bilhões e 14,9 bilhões de dólares, abaixo da previsão de Wall St que esperava um lucro de 0,50 dólar por ação e 15,06 bilhões de receita, segundo estimativas da Reuters.

A desenvolvedora de software foi apoiada por uma forte demanda do Windows 2008, seu carro-chefe, e de sua divisão de aplicativos e softwares para servidores.

O crescimento do lucro parece ainda maior se for levado em conta os gastos de 1,06 bilhão de dólares que a Microsoft enfrentou no último ano para consertar problemas com seu console Xbox 360.

As ações caíram para 26,06 dólares após o fechamento da sessão a 27,52 dólares.

Desde que a Microsoft anunciou sua oferta hostil para comprar o Yahoo, em 1o de fevereiro, as ações acumulam baixa de 16 por cento.   Continuação...