SanDisk rejeita oferta de US$6 bilhões de dólares da Samsung

quarta-feira, 17 de setembro de 2008 10:12 BRT
 

Por Rhee So-eui e Anupreeta Das

SEUL/SAN FRANCISCO (Reuters) - A fabricante norte-americana de memória flash SanDisk rejeitou uma oferta de aquisição de 5,9 bilhões de dólares apresentada pela fabricante de chips de memória Samsung Electronics, mas não descartou a hipótese de uma transação caso o preço melhore.

Adquirir a SanDisk daria à Samsung tecnologia avançada e um controle mais estreito sobre a posição de liderança do mercado, já que a rival de menor porte Toshiba está desafiando sua posição e o setor tem de enfrentar fortes quedas nos preços dos chips de memória devido à capacidade excessiva.

A Samsung, que paga mais de 350 milhões de dólares à SanDisk ao ano pelo uso da tecnologia flash, patenteada pela empresa, quer não só reduzir esses custos mas também obter o controle das muitas licenças que a SanDisk detém e que lhe dão controle sobre o setor.

"Com a oferta, a Samsung está planejando reformular o setor em prazo de quatro a cinco anos. Samsung e SanDisk poderiam trabalhar juntas em tecnologia e marketing", disse Park Hyun, analista da Prudential Investment & Securities.

A SanDisk afirmou em declaração que a oferta da Samsung, de 26 dólares por ação em dinheiro e que representa ágio de 80 por cento ante a cotação da segunda-feira, é inferior ao valor da empresa, mas que continua aberta a uma transação com a Samsung, desde que a preço que reconheça seu "valor intrínseco".

As ações da SanDisk dispararam em 53 por cento, para 23 dólares, em transações posteriores ao fechamento do pregão, na terça-feira, depois que a Samsung anunciou em público a sua oferta, ao final de meses de negociações privadas que não resultaram em acordo.

A Samsung, principal ação da bolsa sul-coreana, fechou estável na quarta-feira, enquanto o mercado de Seul avançou 2,7 por cento.

Quando perguntado sobre a possibilidade de que a Samsung eleve sua oferta, James Chung, porta-voz da empresa, disse que "seria prematuro comentar sobre o assunto". Ele classificou a oferta apresentada como "justa e generosa".

 
<p>Um consumidor posa com seu cart&atilde;o de mem&oacute;ria SanDisk ao lado de uma c&acirc;mera Samsung em Hong Kong, no dia 17 de setembro. A fabricante norte-americana de mem&oacute;ria flash SanDisk rejeitou uma oferta de aquisi&ccedil;&atilde;o de 5,9 bilh&otilde;es de d&oacute;lares apresentada pela fabricante de chips de mem&oacute;ria Samsung Electronics, mas n&atilde;o descartou a hip&oacute;tese de uma transa&ccedil;&atilde;o caso o pre&ccedil;o melhore. Photo by Bobby Yip</p>