China espera que participação da Internet no PIB dobre para 15%

quinta-feira, 20 de março de 2008 16:39 BRT
 

LONDRES (Reuters) - A China verá sua economia online dobrar como percentual do PIB em três ou quatro anos, afirmou à Reuters o vice-ministro da área.

Cai Mingzhao, vice-ministro do departamento de informação do conselho de Estado, que supervisiona a Internet, espera que os usuários online do país cheguem a 300 milhões até o final deste ano, frente aos atuais 230 milhões.

"O setor de Internet corresponde a cerca de 7 por cento do PIB da China. Com o aumento da taxa de penetração da Internet e o comércio eletrônico tornando-se mais popular, essa fatia deve mais que dobrar para 15 por cento", disse.

A China tinha uma taxa de penetração de Internet de 17,7 por cento da população em fevereiro, ante média global de 19 por cento e 70 por cento nos Estados Unidos. A expectativa é de que a taxa suba para 23 por cento até o final do ano.

Os 600 milhões de usuários de telefone celular da China também devem impulsionar a utilização da Internet quando os serviços de terceira geração forem lançados, o que é esperado para o final deste ano.

(Por Daisy Ku e Kate Holton)