Internautas temem que iPod tenha sido bloqueado na China

quinta-feira, 21 de agosto de 2008 20:01 BRT
 

PEQUIM (Reuters) - O download de música para o aparelho iPod tem enfrentado uma misteriosa pane na China, deixando os usuários surpresos e levantando temores de que o governo possa ter bloqueado o site iTunes,da Apple, por conta de canções pró-Tibete, disseram analistas nesta quinta-feira.

Desde segunda-feira, mais de 60 pessoas registraram mensagens em um fórum de discussões da Apple para reclamar que não conseguiam fazer downloads de canções para o iPod.

As reclamações se seguem à divulgação do novo álbum "Canções para o Tibete" pelo The Art of Peace Foundation, uma compilação de músicas sobre os direitos étnicos dos tibetanos.

O Tibete, onde tropas comunistas entraram em 1950, sofreu violenta desordem em março, o que levou a manifestações antigovernamentais em áreas da China, deixando embaraçadas as autoridades locais meses antes dos Jogos Olímpicos naquele país.

Em uma entrevista para o jornal francês Le Monde, publicada nesta quinta-feira, o líder espiritual do Tibete, Dalai Lama, acusou as tropas chinesas de abrirem fogo contra manifestantes no dia 18 de agosto, acrescentando que ele tinha informações não confirmadas de que 140 pessoas haviam sido mortas.

Analistas da área de tecnologia na China afirmaram que Pequim teria provavelmente barrado a função de seleção de músicas do iTunes. A China é conhecida por usar a tecnologia para bloquear páginas da Internet que contenham conteúdo político considerado sensível.

"A possibilidade de um bloqueio é grande e eu diria que isso deve ter sido feito por questões de conteúdo", disse Liu Bin, diretor associado da empresa de consultoria BDA, depois de tentar se conectar ao iTunes.

O endereço eletrônico do site "parece estar fora do ar no lado chinês", mas funciona quando acessado de outros lugares do mundo, disse Danny Levinson, presidente-executivo de uma companhia de marketing digital em Shanghai.

(Reportagem de Ralph Jennings)