July 22, 2008 / 6:25 PM / 9 years ago

Microsoft trará games feitos pelos usuários ao Xbox 360

5 Min, DE LEITURA

SEATTLE (Reuters) - A Microsoft irá se voltar aos usuários do Xbox 360 para criar novos jogos e ampliar os tipos de games disponíveis para o console, de forma similar à estratégia do Facebook e YouTube.

A maior fabricante de software do mundo afirmou nesta terça-feira que irá começar a vender seus games "criados pelos usuários" no final deste ano em seu serviço Xbox Live e irá compartilhar cerca de 70 por cento da receita com o desenvolvedor do jogo.

A empresa começou a oferecer ferramentas de produção em 2006 para amadores e entusiastas numa iniciativa chamada de "XNA", que permitia aos desenvolvedores criarem um jogo que pode ser executado no Xbox, computador com Windows ou no player Zune.

O conteúdo criado por usuários é a base de muitos sites sociais como o Facebook e o YouTube, mas a indústria do videogames têm dependido de grandes desenvolvedores para criar jogos licenciados.

O Facebook e o YouTube oferecem um fórum para novos aplicativos de software e vídeos gratuitamente, mas eles não compartilham as taxas de publicidade com os usuários.

A Microsoft, contudo, exige que o futuro desenvolvedor compre um pacote de membro premiun o XNA Creators Club por 99 dólares ao ano, mas oferece um parte da receita.

Os jogos serão vendido no Xbox Live Marketplace em três preços diferentes usando os pontos Microsoft -- o equivalente de 2,50; 5 ou 10 dólares.

Antes de entrarem na loja do Xbox Live, os jogos devem ser revisados pelo sistema.

"Estamos criando uma oportunidade para aspirantes a desenvolvedor", afirmou Chris Satchell, chefe no departamento de tecnologia no grupo Interactive Entertainment Business da Microsoft, em comunicado.

A expectativa da empresa é de que o jogos criados por usuários sejam duas vezes maiores que os jogos disponíveis para Xbox 360 quando a sessão Community Games de sua loja online Xbox 360 sair da versão de teste.

(Reportagem de Daisuke Wakabayashi)

SEATTLE, 22 de julho (Reuters) - A Microsoft (MSFT.O) irá se voltar aos usuários do Xbox 360 para criar novos jogos e ampliar os tipos de games disponíveis para o console, de forma similar à estratégia do Facebook e YouTube.

A maior fabricante de software do mundo afirmou nesta terça-feira que irá começar a vender seus games "criados pelos usuários" no final deste ano em seu serviço Xbox Live e irá compartilhar cerca de 70 por cento da receita com o desenvolvedor do jogo.

A empresa começou a oferecer ferramentas de produção em 2006 para amadores e entusiastas numa iniciativa chamada de "XNA", que permitia aos desenvolvedores criarem um jogo que pode ser executado no Xbox, computador com Windows ou no player Zune.

O conteúdo criado por usuários é a base de muitos sites sociais como o Facebook e o YouTube, mas a indústria do videogames têm dependido de grandes desenvolvedores para criar jogos licenciados.

O Facebook e o YouTube oferecem um fórum para novos aplicativos de software e vídeos gratuitamente, mas eles não compartilham as taxas de publicidade com os usuários.

A Microsoft, contudo, exige que o futuro desenvolvedor compre um pacote de membro premiun o XNA Creators Club por 99 dólares ao ano, mas oferece um parte da receita.

Os jogos serão vendido no Xbox Live Marketplace em três preços diferentes usando os pontos Microsoft - o equivalente de 2,50; 5 ou 10 dólares.

Antes de entrarem na loja do Xbox Live, os jogos devem ser revisados pelo sistema.

"Estamos criando uma oportunidade para aspirantes a desenvolvedor", afirmou Chris Satchell, chefe no departamento de tecnologia no grupo Interactive Entertainment Business da Microsoft, em comunicado.

A expectativa da empresa é de que o jogos criados por usuários sejam duas vezes maiores que os jogos disponíveis para Xbox 360 quando a sessão Community Games de sua loja online Xbox 360 sair da versão de teste.

Reportagem de Daisuke Wakabayashi

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below