Claro reduz preço das mensagens de texto em mais de 80%

segunda-feira, 22 de setembro de 2008 17:12 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - Disposta a impulsionar o uso do celular para envio de mensagens de texto, a operadora brasileira Claro anunciou nesta segunda-feira pacotes em que reduz o preço unitário das mensagens em mais de 80 por cento.

No balanço para o segundo trimestre do ano da América Móvil, grupo mexicano que controla a Claro, a transmissão de dados como o envio de mensagens de texto foi um dos destaques no desempenho da operadora brasileira. Enquanto a receita líquida da Claro cresceu 17,2 por cento no trimestre sobre o mesmo período de 2007, a receita com transmissão de dados teve uma alta de 57,8 por cento e passou a responder por quase 9 por cento do total.

PACOTES DE MENSAGENS

A Claro criou pacotes só para mensagens de texto que poderão ser escolhidas por assinantes de qualquer outro pacote de minutos de voz.

Hoje, o preço unitário para envio de uma mensagem é de 0,30 real. Caso escolha um pacote de 300 mensagens, entretanto, o usuário terá uma economia mensal de 77 por cento, pagando 20,90 reais.

São quatro opções de pacotes de mensagens com descontos por volume. Por isso, o maior deles é de 2 mil mensagens por mês e economia de 81,70 por cento em relação ao preço unitário da mensagem, já que a mensalidade nesse caso é de 109,90 reais.

Com 34,73 milhões de usuários, a operadora retomou a segunda colocação no mercado brasileiro de celular em agosto, em número de clientes, ultrapassando a TIM depois de quatro anos.

(Por Taís Fuoco, Edição de Alexandre Caverni)