Vendas legais de músicas pela Internet crescem em 2007

quinta-feira, 24 de janeiro de 2008 11:30 BRST
 

LONDRES (Reuters) - A pirataria de música na Internet ainda é um problema para a indústria fonográfica, mas a venda de canções de forma legal no mundo online cresceu de forma significativa no ano passado --um sinal encorajador para as gravadoras.

Estima-se que a venda global de música digital totalizou 2,9 bilhões de dólares em 2007, cifra 40 por cento maior que a registrada no ano anterior. Os downloads de singles, formato mais popular na Web, cresceu de forma mais significativa, em 53 por cento.

De acordo com números da IFPI, organização internacional de comércio que representa as gravadoras, as vendas de músicas digitais representam agora cerca de 15 por cento do mercado global, acima dos 11 por cento em 2006 e de zero em 2003.

Nos Estados Unidos, as vendas de canções via Internet e celulares agora respondem por 30 por cento da receita total da indústria.

De acordo com a IFPI, contudo, dezenas de bilhões de músicas foram baixadas da Internet de maneira ilegal em 2007. Segundo a organização, para cada 20 músicas baixadas da Web sem licença foi vendida 1 canção legalmente.

(Por Kate Holton)