Lucro da Nintendo sobe em 60% com boom do Wii

quinta-feira, 24 de abril de 2008 11:49 BRT
 

Por Kentaro Hamada e Edwina Gibbs

OSAKA (Reuters) - A Nintendo, fabricante japonesa do console de videogame Wii, anunciou na quarta-feira que seu lucro no quarto trimestre do ano fiscal subiu em 60 por cento, mas previu modesto crescimento anual de nove por cento, porque antecipa uma desaceleração nas vendas do DS, seu aparelho portátil de videogame.

A projeção conservadora surgiu apesar da demanda aparentemente insaciável pelo Wii, que até o momento vem superando em vendas o PlayStation 3, da Sony, e o Xbox 360, da Microsoft, desde seu lançamento, no final de 2006.

Começando com o DS, e posteriormente com o Wii, que atraiu novos jogadores casuais por meio de uma série de jogos divertidos e fáceis de aprender e de seu controlador dotado de sensores de movimento, a Nintendo mais que dobrou seu lucro operacional, por dois anos consecutivos.

Esperar crescimento espetacular demais seria pouco realista, disse Hiroshi Kamide, analista da KBC Securities.

"Eles estão em sua melhor forma. Não creio que seja possível se sair muito melhor do que estão se saindo no momento", disse.

O lucro operacional do trimestre janeiro-março disparou para 93,2 bilhões de ienes (900 milhões de dólares), superando com folga a estimativa de consenso de 82 bilhões de ienes constatada pela Reuters Estimates junto a 19 analistas.

Mas a Nintendo, cujo valor de mercado chegou a cerca de 81 bilhões de dólares, projeta que o lucro suba a 530 bilhões de ienes neste ano fiscal, seis por cento abaixo da estimativa média de 566,5 bilhões de ienes oferecida pelos analistas.

O Super Smash Bros. Brawl, um jogo de combate imensamente popular lançado pela Nintendo, e o iminente lançamento do Wii Fit, um programa de exercícios físicos, nos mercados fora do Japão devem estimular as vendas e ajudar a Nintendo a enfrentar as taxas de câmbio desfavoráveis.

Mas o PlayStation 3 e o Xbox 360 também devem ganhar algum ímpeto devido a novos títulos como "Grand Theft Auto 4", da Take-Two Interactive Software, e "Metal Gear Solid 4", da Konami .