Xerox tem lucro no 2o trimestre acima da expectativa

quinta-feira, 24 de julho de 2008 12:30 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - A Xerox divulgou nesta quinta-feira seu balanço trimestral com um lucro melhor que o esperado, à medida em que as receitas melhoraram devido às fortes vendas de equipamentos para impressão.

A empresa, maior fornecedora mundial de impressoras digitais e serviços de administração de documentos, afirmou ainda que irá recomprar 1 bilhão de dólares em ações da própria companhia e manteve sua projeção de lucro para o ano.

O lucro líquido caiu para 215 milhões de dólares, ou 0,24 dólar por ação, contra 266 milhões de dólares, ou 0,28 dólar por ação, um ano antes.

Excluindo-se os custos de reestruturação, o lucro foi de 0,29 dólar por ação, superando as expectativas de analistas que, segundo a Reuters Estimates, era de 0,24 dólar por ação.

A receita subiu 8 por cento, para 4,53 bilhões de dólares, acima da expectativa de 4,46 bilhões de dólares. A receita total de impressoras coloridas, fornecimentos e serviços, mais lucrativas que os produtos em preto e branco, subiram 11 por cento.

A Xerox afirmou que a economia fraca "criou desafios para seus negócios com grandes empresas", mas os resultados de seus mercados para pequenas e médias empresas foram positivos. Além disso, a demanda para serviços de documentos cresceu.

Para o terceiro trimestre a empresa espera lucro por ação entre 0,28 e 0,30 dólar, e manteve sua perspectiva anual de lucro entre 1,26 e 1,30 dólar por ação.

Às 12h24 (horário de Brasília) as ações da empresa tinha forte queda de 3,78 por cento, para 13,50 dólares.

No ano o papel acumulava queda de 15 por cento até quarta-feira, enquanto a japonesa Canon registrava valorização de 6 por cento no ano.

Mais cedo, a Canon divulgou uma queda de 12 por cento no lucro trimestral devido à fraca demanda de copiadoras e um iene mais forte. Segundo a empresa, a demanda foi fraca na América do Norte para equipamentos de escritório, particularmente copiadoras, e isso está se espalhando pela Europa.

(Reportagem de Franklin Paul)