Corte de apelações complica Google em disputa sobre patentes

quarta-feira, 26 de dezembro de 2007 17:30 BRST
 

Por Diane Bartz

WASHINGTON (Reuters) - Um tribunal federal de apelação dos Estados Unidos causou um revés para o Google nesta quarta-feira em uma disputa de patentes, ao invalidar parte de um julgamento sumário em favor do gigante de buscas na Internet num processo aberto pela HyperphRase Technologies, LLC.

HyperphRase Technologies, LLC e HyperphRase entraram com um processo contra o Google alegando infração de quatro patentes usadas para criar o AutoLink e o AdSense. O tribunal de Wisconsin conduziu o caso e concedeu julgamento sumário em favor do Google.

Mas o Tribunal Federal de Apelação dos EUA afirmou que aceita em parte o julgamento sumário, parcialmente validando o parecer e mantendo o caso em vigor.

O tribunal de apelação estipulou que o imensamente lucrativo AdSense do Google não infringia as patentes da HyperphRase. O tribunal teve um parecer misto sobre o AutoLink, concordando que o Google não havia violado nada, como alegado, em relação às patentes da HyperphRase.

O tribunal, entretanto, invalidou outros dois julgamentos sumários em favor do Google e os enviou de volta ao tribunal de Wisconsin.

"A concessão do tribunal de Wisconsin é deferido e indeferido em parte, e o caso está em trâmite", escreveu o tribunal em sua decisão.

O caso é um dentre as dúzias em que o Google está envolvido. Assim como muitas empresas de tecnologia, o gigante enfrenta regularmente processos por quebra de patentes.