Microsoft contratará 1.000 engenheiros na China

terça-feira, 27 de novembro de 2007 11:26 BRST
 

PEQUIM (Reuters) - A Microsoft afirmou na terça-feira que vai contratar 1.000 engenheiros na China, no ano fiscal corrente, aumentando o atual quadro de 5 mil funcionários mantidos pela companhia no país.

"Nós adicionaremos 1.000 engenheiros", disse Zhang Yaqin, presidente da Microsoft na China, a jornalistas. "Haverá pesquisadores, mas a maioria estará envolvida em produto", disse o executivo sem dar mais detalhes.

Os comentários foram feitos depois que o presidente-executivo da Microsoft, Steve Ballmer, afirmou mais cedo neste mês que o mercado chinês é importante para a Microsoft, mas que Pequim precisa fazer mais para proteger os direitos de propriedade intelectual.

A Microsoft informou que mais de um quinto de seu software em operação no mundo é pirateado.

(Por Kirby Chien)